PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
ONDA DE FRIO ATINGE O SEU MÁXIMO COM -9ºC NO RIO GRANDE DO SUL
09/07/2024 15:20 em noticias

Frio extremo e com intensidade que raramente se viu na história recente foi registrado em áreas do Oeste, do Centro e, especialmente, do Sul do Rio Grande do Sul no começo desta terça-feira, marcando o máximo de intensidade desta onda de frio. Houve mínimas negativas generalizadas e com valores excepcionalmente baixos. O frio extremo se concentrou no Oeste, Centro e o Sul gaúcho porque eram as áreas do estado com tempo aberto, perfil seco da atmosfera e vento calmo, o que favoreceu o enorme resfriamento, enquanto na Metade Norte gaúcha havia abundante cobertura de nebulosidade que dificulta queda maior da temperatura.
Já as temperaturas excepcionalmente baixas foram consequência de uma massa de ar extremamente frio que estava entre o Centro da Argentina, o Uruguai e a Metade Sul gaúcha, que causou também frio de intensidade incomum e rara de se ver nos países vizinhos. Na segunda-feira, sondagem feita por balão meteorológico no Aeroparque, o aeroporto central da cidade de Buenos Aires, indicou temperatura às 9h da manhã a 1500 metros de altitude (nível de pressão de 850 hPa) de -8,1ºC ao passo que a mínima em superfície da segunda foi de 1ºC.

O valor da temperatura em 850 hPa, métrica de quão quente ou fria é uma massa de ar, era excepcionalmente baixo, sendo comum de se observar no inverno na Terra do Fogo, mais perto da Antártida, e muitíssimo raramente na capital argentina. Somente as mais poderosas e históricas massas de ar frio atingem tais valores de temperatura em 850 hPa no Centro argentino. Com este ar extremamente gelado na região e o tempo aberto por efeito de um centro de alta pressão de 1030 hPa no Sudoeste do Uruguai, a temperatura despencou a marcas atipicamente baixas em parte do Rio Grande do Sul no início desta quarta. A menor temperatura mínima foi observada em estação meteorológica instalada numa baixada do município de Pinheiro Machado, na Serra do Sudeste, onde os termômetros anotaram a impressionante marca de 9,1ºC abaixo de zero às 6h50 da manhã.

A sequência de mínimas extremas em Pinheiro Machado nesta atipicamente intensa e longa onda de frio é notável com registros de -5,2ºC em 29/6; -7,1ºC em 30/6; -6,2ºC em 1º/7; -5,3ºC em 2/7; -0,3ºC em 3/7; 6,9ºC em 4/7; -5,6ºC em 5/7; -7,3ºC em 6/7; -3,8ºC em 7/7; -7,0ºC em 8/7; e -9,1ºC em 9/7. VEJA AS MÍNIMAS DE HOJE NO RIO GRANDE DO SUL Veja a lista de temperaturas mínimas observadas nesta terça no Rio Grande do Sul em estações meteorológicas do Instituto Nacional de Meteorologia, da Secretaria da Agricultura e particulares (PWS): Pinheiro Machado: -9,1°C Bagé: -6,0°C Pedras Altas: -5,5°C Santana do Livramento: -5,0°C Dom Pedrito:-4,2°C Quaraí: -4,0°C Caçapava do Sul: 3,9°C Uruguaiana: -3,9°C Herval: -3,0°C Alegrete: -2,2°C Santa Maria: -2,2°C São Gabriel: -2,1°C Rosário do Sul: -1,7°C São Francisco de Assis: -1,7°C Nova Palma: -1,4°C Santiago: -1,4°C Tupanciretã: -1,3°C Canguçu: -1,1°C Lavras do Sul: -1,1°C Pelotas: -1,1°C São Martinho da Serra: -1,1°C Silveira Matins:-1,1°C São Vicente do Sul: -0,9°C Cacequi: -0,6°C Itaqui: -0,6°C Júlio de Castilhos: -0,6°C Vila Nova do Sul: -0,7°C

Encruzilhada do Sul: 0,0°C Gramado: 0,0°C Maçambara: 0,0°C São Sepé: 0,0°C Camaquã: 0,4°C Canela: 0,6°C Sentinela do Sul: 0,6°C Cachoeira do Sul: 0,7°C Farroupilha: 0,7°C Itaara: 0,7°C São Francisco de Paula: 0,8°C Porto Xavier: 0,9°c Jaguarão: 1,0°C Boa Vista do Cadeado: 1,1°C Bossoroca: 1,1°C Caxias do Sul: 1,1°C Cruz Alta: 1,1°C Garibaldi: 1,1°C Joia: 1,1°C Igrejinha: 1,2°C Morro Reuter: 1,2°C Teutônia: 1,2°C Rolante: 1,3°C Ijuí: 1,4°C Barra do Ribeiro: 1,6°C Cambará do Sul: 1,7°C Ilópolis: 1,7°C Pejuçara: 1,7°C Santo Antônio das Missões: 1,7°C São Borja: 1,7°C São Luiz Gonzaga: 1,7°C Alto Feliz: 1,8°C São José dos Ausentes: 1,9°C Soledade: 1,9°C Antônio Prado: 2,0°C Capão do Leão: 2,0°C Restinga Seca: 2,0°C Santa Maria do Herval: 2,0°C Bento Gonçalves: 2,1°C Tapes: 2,1°C Agudo: 2,2°C Arroio Grande: 2,2°C São Lourenço do Sul: 2,2°C São Paulo das Missões: 2,2°C Sobradinho: 2,2°C Guarani das Missões: 2,3°C Espumoso: 2,5°C Santo Angelo: 2,5°C Ibirapuitã: 2,7°C Rio Grande: 2,7°C Giruá: 2,8°C Nova Petrópolis: 2,8°C Chapada: 3,1°C David Canabarro: 3,3°C Fortaleza dos Valos: 3,3°C Mostardas: 3,3°C Salto do Jacuí: 3,3°C Santa Rosa: 3,3°C Campos Borges: 3,4°C Santo Cristo: 3,4°C Ibirubá: 3,9°C Monte Alegre dos Campos: 3,9°C Vacaria: 3,9°C Santa Cruz do Sul: 4,2°C Campo Bom: 4,3°C Panambi: 4,3°C Marau: 4,4°C Passo Fundo: 4,4°C Porto Alegre: 4,4°C Muitos Capões: 4,5°C Bom Jesus: 4,6°C Condor: 4,6°C Lagoa Vermelha: 4,6°C

Em Porto Alegre, a temperatura mínima na estação de referência do Instituto Nacional de Meteorologia no bairro Jardim Botânico foi de 6,5ºC. O valor está longe de ser muito baixo, mas mesmo assim é digno de nota porque a capital esteve com céu tomado de nuvens durante toda a noite e raramente a capital anota temperatura na casa de 6ºC com céu encoberto. A ONDA DE FRIO NOS PRÓXIMOS DIAS O frio segue intenso no Rio Grande do Sul, mas o começo da quarta-feira não deve ter uma repetição de marcas tão extremas como as observadas hoje. Novamente, o Oeste, o Centro e o Sul gaúcho devem anotar as menores mínimas no estado. Com um baixa pressão trazendo aumento de nuvens e chuva em parte do Rio Grande do Sul no começo do dia, além de uma atmosfera menos resfriada que na madrugada de hoje, a perspectiva é de mínimas mais altas, porém ainda gélidas. Pontos do Centro para o Oeste gaúcho, em particular, podem anotar marcar negativas que podem descer a -1ºC a -3ºC na madrugada e no amanhecer da quarta-feira. Porto Alegre, com chuva, deve ter uma madrugada fria e úmida com 8ºC a 10ºC nas primeiras horas da quarta. Na segunda metade da semana, a onda de frio não dá trégua. Será úmido com chuva em vários momentos no Nordeste do estado, entre a Serra, a Grande Porto Alegre, os vales e o Litoral Norte. As menores mínimas seguirão ocorrendo no Oeste e no Sul.

Na sexta e no sábado, um reforço de ar polar – de menor intensidade que os modelos indicavam na última semana – voltará a intensificar o frio, especialmente no Oeste e no Sul do estado. As duas madrugadas, em particular a da sexta, novamente terão marcas por demais baixas nas duas regiões com possibilidade de registros de até -5ºC ou menos na Serra do Sudeste.

fonte  O AUTOR Luiz F. Nachtigall Luiz Fernando Nachtigall é autor de MetSul.com e meteorologista desde 1985 pela Universidade Federal de Pelotas (UFPEL). Especializado em Meteorologia Aeronáutica pelo Centro Técnico Aeroespacial (CTA), atuou no Ipmet da Unesp e na previsão de tempo nos aeroportos de Belém do Pará, Galeão e Porto Alegre.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!